quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Meu erro e meu querer.

Erros não são para serem justificados, são para não serem repetidos...
mas eu voltei. 
Voltei porque a saudade não me cabia mais no peito.
 Eu sei, saudade não justifica esse meu querer-te. 
(...)
Repeti toda nossa história aos avessos, mais uma vez.

2 comentários:

  1. Sabe....acho que sei exatamente do que fala!
    É estranho querer errar novamente!

    ResponderExcluir
  2. Talvez, só talvez, não seja um erro, seja uma energia que ainda precisa ser melhor entendida, trabalhada, etc...

    ResponderExcluir